Faça orçamentos para compras no atacado Informação e novidades em nosso blog Camisetas 12h

Quais são os melhores tecidos para personalizar?

Publicado em: 7 de fevereiro de 2024

fabric 3506846 1280

Muita gente acha que estampar camisas é um serviço simples. Entretanto, a técnica exige conhecimento têxtil, tecnológico e dos tipos de personalização disponíveis no mercado. Por ser muito utilizada em empresas, a personalização tornou-se algo muito sério quando o assunto é fortalecimento de marca.  

Por isso, empresas de estamparia têm investido em equipamentos e em conhecimento para oferecer o melhor para os seus clientes. Além do marketing, fabricantes de roupas também buscam uma estampa de qualidade para as suas confecções. 

Quais são os tipos de tecidos?

O segmento têxtil oferece muitas possibilidades de tecidos para diferentes tipos de roupas. Entendê-los é essencial para quem trabalha com estampagem. Afinal, como explicar para o cliente qual o melhor tecido para o seu objetivo? 

Para que você também entenda um pouco mais sobre esse processo, vamos explicar sobre cada material. Assim, antes de fazer o pedido de personalização já terá em mente o tecido. 

Vamos lá!

Algodão  

Esse é o tecido mais clássico e mais usado no mundo. Esse tecido tem as suas peculiaridades e está entre os preferidos pelos consumidores, porque são confortáveis, suaves e fáceis de secar. O algodão oferece diversos tipos, como algodão fio 24 (100% algodão), algodão fio 30 (Penteado), mais utilizado na fabricação de camisas básicas; malha comfort; brim leve e brim pesado.

Além de ser o tipo mais utilizado nas confecções de roupas, o tecido é também o mais comum de personalizar. O tipo mais utilizado nas estamparias é o 100% algodão, que oferece três opções para estamparia. São elas:

  • Fios cardados: Esse é um tecido menos tratado e com um bom custo-benefício. É muito usado por empresas que dão camisas como brindes para clientes e parceiros. 
  • Fios penteados (fio 30): Esse tipo de tecido de algodão é mais caro por ter uma tratamento especial que garante maciez. A sua qualidade favorece as estampas, por isso, é um dos mais usados para personalizar camisas.
  • Estonado: Por último temos o tecido de algodão estonado. Esse passa por processos químicos e físicos para ficar com aparência de desgaste. 

O tecido de algodão é estampado na impressão silk screen (ou serigrafia).

Malha PV ou fria

É um tecido composto de 33% poliéster e 67% viscose, sendo conhecido pela sua durabilidade, por não desbotar, nem encolher. O material têxtil é muito utilizado na fabricação de uniformes escolares e de empresas. Esses tecidos oferecem um preço mais acessível, não precisam ser passados e seca rápido.  

Geralmente, as estampas são realizadas com técnicas de sublimação ou serigrafia. Para quem prefere a impressão de sublimação, é importante lembrar que é necessário usar tecido de cores claras. O método transfer também é utilizado nesse tecido. 

Helanca

Entre as características desse tecido estão elasticidade e flexibilidade. É por esse motivo que roupas de helanca são adaptáveis a todos os tipos de corpo. Por serem 100% sintético (poliéster), a helanca tem como principal vantagem reter o suor, e manter a temperatura do corpo.

Para personalizar camisas de helanca, é utilizada a técnica de sublimação ou transfer. Geralmente, a indústria utiliza o tecido para confecção de abadás e camisetas utilizadas em eventos .A personalização pode ser feita nos dois tipos de roupas. 

Malha PP

Esse também é um tecido sintético com alta durabilidade e não precisa passar. Essa malha é a mais indicada para a estampa em técnica sublimação. O tecido favorece uma personalização de alta qualidade gráfica. Entre as indicações para o uso do material estão camisetas promocionais, roupas infantis e forro de agasalho. 

Dry Fit

A indústria utiliza esse tecido para confeccionar camisetas esportivas e de moda praia. O Dry Fit é muito utilizado nessas roupas porque tem na sua composição fibras sintéticas para a evaporação do suor e a não absorção de muita água.  

Outra característica do tecido é a sua leveza e o conforto que oferece aos usuários, além de manter a temperatura do corpo regular, mesmo em dias quentes. São dois tipos de Dry Fit: dry poliéster e dry poliamida. A diferença entre os dois é que dry poliéster é 100% poliéster, não encolhe e tem boa resistência para produtos químicos.  Já dry poliamida é fabricado com 100% de poliamida, que é  considerado nobre do mercado têxtil. O tecido oferece toque macio, leveza, resistência e seca rápido.

As camisetas dry fit composta por 100% poliéster podem usar os métodos de sublimação, transfer e silk screen para fazer as estampas. 

Malha Piquet (Pólo)

Muito usada para confeccionar uniformes profissionais e camisetas promocionais, a  malha Piquet ou Pólo é composta por 50% algodão e 50% poliéster. Esse tipo de tecido oferece maior confortabilidade ao usuário, e são muito resistentes. Se você quer estampar esse tipo de camisa, saiba que a técnica mais usada de estampa é o silk screen ou bordado.

Escolha a melhor empresa para estampar suas camisas

Agora que você aprendeu quais os melhores tipos de tecidos para fazer estampas, escolha uma empresa de credibilidade no mercado para personalizar camisetas promocionais, uniformes e camisas para brindes. 

A empresa precisa ter diferentes tipos de equipamentos e profissionais qualificados para entender as suas necessidades. 

Compartilhe essa postagem...

Últimas postagens:

Diferenças entre os tipos de personalização melhores que o silk screen

Publicado em: 2 de fevereiro de 2024

Saiba como e onde personalizar camiseta de time com qualidade e estilo

Publicado em: 23 de novembro de 2023

Criar Estampas para Camisetas Online: Personalize agora!

Publicado em: 9 de novembro de 2023

Camiseta personalizada para evento: Como criar looks memoráveis!

Publicado em: 25 de outubro de 2023

Boné personalizado para empresa: sua marca com estilo!

Publicado em: 12 de outubro de 2023

Bolsa ecobag personalizada: sustentabilidade e estilo acessíveis!

Publicado em: 20 de setembro de 2023